Olá pessoal,

O Edital saiu e surpreendeu pelas mudanças em economia. Principalmente pela quantidade de mudanças, embora também, em alguns casos, pela direção da mudança. Mas temos que ser pragmáticos e não cabe aqui questionar os argumentos para se estender tanto o campo de conhecimento em economia exigido do candidato ao CACD. Precisamos sim ver quais são efetivamente os temas novos e buscar o caminho mais curto e eficaz (bibliografia, exercícios) de estudar os pontos principais (e mais prováveis de cair) destes novos temas. Afinal temos pouco tempo e não dar para deixar de ver esses temas, porque dessa vez foram muitas mudanças e dificilmente o IRBr incluiria tantos temas para não solicitar nenhum deles na prova. Diferente de uma matriz insumo-produto, que, aliás, saiu do programa sem nunca ter sido cobrada.

Vamos ofertar um módulo complementar, nas modalidades presencial e online, com 6 aulas, contendo 3 aulas para os temas novos de microeconomia, macroeconomia e economia brasileira e 3 aulas para os temas novos de comércio, investimentos e finanças (que estão em economia internacional e são muito importantes para PI e terceira fase de economia, além do TPS)

No quadro abaixo mostramos as mudanças de microeconomia. Vejam que foram incluídos 3 temas: falhas de mercado, teoria dos jogos com aplicação a modelos de oligopólio e introdução à análise custo benefício.

1

 

Nos próximos post veremos quais são os novos temas em macroeconomia, economia internacional e economia brasileira.